terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Depois da Pele





Abaixo da pele há alma medonha,
Essa anojada não afaga a própria face,
De tanto adivinhar o inimigo,
Seu próprio vexame

Abaixo da pele há alma desqualificada,
Nada hábil em trato viciado e urbanidade
Sempre viveu, intimamente,
Seu próprio manicômio

Abaixo da pele há alma que suporta
Setenta e sete mil torturas tenebrosas
E quem passa, ao largo, nunca ouve
Seu grito morto

Abaixo da pele há um espírito vivo de vergonha,
Que esconde sua inclinação cândida, dos homens,
Por temer ser, ainda mais, crucificado

9 comentários:

Malu Silva disse...

Creio que abaixo da pelo qualquer pessoa pode encontrar o pior e o melhor dela. Depende do que ela está a procurar.
Meu abraço, linda e tudo de BOM...

dade amorim disse...

Ninguém ouve mesmo o grito morto dessa alma, o que é meio pena, meio crucificação. O que se sofre neste mundo é dose.
E o poema sempre vale a pena!
beijos, Ira.

Tania regina Contreiras disse...

Tenho te lido, Ira, com paixão, porque sua poesia me pega profundamente, mas também com um interesse grande nesses vários eus que se expressam. Toda boa poesia é "de verdade", bem sei; mas tem algo na tua que a torna marcante. Eu a releio e releio, na maioria das vezes. Assombrada. Há muito talento e muita sensibilidade. E verdades ditas de uma forma que me faz suspender a respiração, algumas vezes, quando a leio. Poeta. Marcada. Sem dúvida.
Beijos,

Janice Adja disse...

Debaixo da pele encontramos a verdade.
Beijos!!!

Carolina disse...

Espirito crucificado... vivemos pedacos do paraiso. O resto, sobrevivemos.
Um beijo grande.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Quantos gritos silenciosos existem em cada corpo...sempre intensa e maravilhosa e eu sinto-me pequenina para te comentar à altura do que escreves.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Assis Freitas disse...

abaixo da pele, a temperatura zera a reza,

beijo

LauraAlberto disse...

dizem que há quem guarde esqueletos no armário
talvez eles se guardem debaixo da pele

beijinho minha poeta do caraças

eurico portugal disse...

depois da pele? somente a res-piração.

beijo!